quarta-feira, outubro 30, 2002

Sempre que vou por aqui..
eu vou de bicicleta...

sempre que vou por aqui...
te levo em meus olhos...

Suas imagens se formam apartir dos sons das palavras
que saem da minha boca...

sempre que eu vou por aqui,
eu e os seus cabelos...

sempre que estou por aqui...
te levo a cantar...

Suas palavras fazem a imagem que tenho de ti...

sempre que eu vou por aqui..
vou de bicicleta...

sempre que vou por aqui...
meus olhos te veem...

sempre que estou por aqui...
te levo a cantar....

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial